Serrapilheira
  • Informações da Banda

    Serrapilheira

    Integrantes:
    Lucas Do Amaral - voz, violão e poesia
    Jorge van der Linden - guitarra e voz
    Danilo Pires - baixo e cajon
    Ivo Lage - bateria e voz
    Rafael Cadena - guitarra

    Telefone: (81) 99635-6207
    E-mail: [email protected]

    Origem: Recife - pe (Brasil)

    Redes Sociais

  • Informações da banda

    Serrapilheira

    A manta morta da Terra, o alimento da nova Vida... isso é Serrapilheira!

    É matéria artística orgânica em diferentes estágios, do rock ao xote, nutrindo ideias e sensações. É poesia sobre a vida cotidiana, que vai do onírico delírio ao mais duro realismo. É o ciclo de realimentação na pele da terra. É mantra... É víscera! É cantoria!

    Formada em meados de 2013, por Lucas do Amaral, Antônio Nogueira e Danilo Pires (parceiros de música há mais de 15 anos), a Serrapilheira tornou-se completa com a adição dos músicos Jorge van der Linden e Ivo Lage. No final de 2015, com a saída de Antônio Nogueira, Rafael Cadena assume a guitarra da banda.

    A banda lançou seu primeiro trabalho, o EP - O alimento da nova vida, em show no Teatro Marco Camarotti, no SESC Santo Amaro, em Setembro de 2014. Serrapilheira ainda se apresentou em importantes eventos em 2014, como o Expresso do Fim do Mundo, com a banda Semente de Vulcão; na Praia do La Greca, convidada pelo projeto Praias do Capibaribe; e dividiu o palco com Marcelo Jeneci, num dos eventos do movimento Ocupe Estelita. Além disso, a banda tem se apresentado com regularidade nas principais casas de evento da cidade. A banda ficou entre as seis finalistas do Festival Pré AMP em 2015, tendo conquistado a terceira colocação no voto do público.

    Todas as músicas nascem da criação coletiva, onde o ponto de partida está na escrita do vocalista Lucas do Amaral. O compositor consegue trazer à tona a sensibilidade necessária para versar sobre a existência do ser, o onírico, a desconstrução do óbvio e do racional... E desta forma revelar, em cada verso, uma explosão de efeitos extrassensoriais, que se materializam no desempenho do grupo, que apresenta individualidade e maturidade no palco.

    As cinco músicas presentes no EP são as que melhor sintetizam a personalidade da banda. A gravação ocorreu no Estúdio Space Invaders e a mixagem é de Fábio Case, da Case Estúdio. A ilustração do trabalho é do artista e ilustrador Ayodê França, co-criador do premiado curta metragem de animação Abrupto (2012).

    “... é sobre deixar a mente livre para a desconstrução do óbvio e do racional”.

  • Músicas

  • Vídeos